Vídeos

Primeiro de Maio: Dia de Luta!

No dia 1º de Maio – dia dos Trabalhadores e Trabalhadoras, ocorreu um ato na Cinelandia – Centro do Rio de Janeiro, onde estavam presentes a Frente Internacionalista dos Sem-Teto (FIST), Movimento das Comunidades Populares (MCP), Movimento dos Trabalhadores Desempregados PELA BASE (MTD/RJ) e Organização Popular/RJ.

Paralelamente, foi realizado um evento de comemoração no Centro de Cultura Social do Rio de Janeiro (CCS/RJ) pelo Movimento dos Trabalhadores Desempregados PELA BASE! (MTD-RJ).

Ano: 2010   Duração: 8:11

Vídeo hospedado em: http://www.youtube.com/watch?v=Af-CrsVSO4k

IMPLANTAÇÃO DE AGROFLORESTA NO ASSENTAMENTO TERRA PROMETIDA   *** NOVO ***

Mutirão de implantação de Sistema AgroFlorestal (SAF) no assentamento Terra Prometida, localizado no município de Nova Iguaçu-RJ.

Ano: 2010   Duração: 8:11

Vídeo hospedado em http://www.youtube.com/watch?v=dgU1dmlY3y0

ATO PELA REFORMA AGRÁRIA 

O Centro da cidade do Rio de Janeiro recebeu entre os dias 9 e 10 de dezembro de 2010 a feira de produtos de assentamentos e acampamentos de várias regiões do estado. Assim, este espaço da urbe, local de trabalho, centro financeiro e histórico da cidade teve enfim, que se aproximar da realidade produtiva de assentamentos e acampamentos do MST presentes no estado.

Ano: 2010   Duração:5:52

Vídeo hospedado em http://www.youtube.com/watch?v=dgU1dmlY3y0

PRIMEIRO DE MAIO, DIA DE LUTA DA CLASSE TRABALHADORA

Para nós, trabalhadores organizados do estado do Rio de janeiro, o primeiro de maio é também um dia de Luto. Realizado no morro do Bumba, comunidade em Niterói seriamente afetada pelo descaso do governo durante as últimas chuvas, o ato unificado dos movimentos sociais e populares do Rio de Janeiro fez uma denúncia pública da calamidade que afetou e afeta milhares de trabalhadores, trabalhadoras e desempregados no RJ.

Ano: 2010   Duração: 2:43
Vídeo hospedado em http://www.youtube.com/watch?v=XUIKV4fqy-s

JUVENTUDE AGROECOLÓGICA – TURMA I – 2010 

Proposto pela Articulação de Agroecologia do Rio de Janeiro, o projeto Campo-Campus possui como principal objetivo discutir questões relacionadas à agricultura ecológica, reforma agrária e organização popular entre jovens oriundos de famílias agricultoras de cinco regiões do estado. Esta proposta justifica-se a partir de demandas regionais de mobilização da juventude para a valorização de suas diversidades culturais em contraposição ao pungente capitalismo promovido pelo Estado e burguesia na forma do agronegócio, que historicamente vem massacrando e expulsando a classe trabalhadora de seu chão.

Ano: 2010   Duração: 3:28

Vídeo hospedado em: http://www.youtube.com/watch?v=d1MwlTDR3UE

MULHERES CAMPONESAS NA LUTA CONTRA O AGRONEGOCIO E CONTRA A VIOLÊNCIA 

Trabalhadoras da Via campesina e do Comitê de Erradicação do Trabalho Escravo ocuparam Usina Capim, em Ururaí, Campos dos Goytacazes.  As mulheres tem como  objetivo  denunciar o trabalho escravo e plantar mudas de diversas plantas, no lugar da monocultura de cana de açúcar. Trazendo a bandeira “Mulheres camponesas na luta contra o agronegócio e contra a violência: por reforma agrária e soberania alimentar”, o dia 8 de março é decretado como o Dia Internacional de Luta das Mulheres Trabalhadoras, com manifestações em todo o Brasil.

Ano: 2010   Duração: 2:40

Vídeo hospedado em: http://www.youtube.com/watch?v=UPaDrnqf8m0

JUVENTUDE AGROECOLÓGICA – TURMA I – 2010 

Proposto pela Articulação de Agroecologia do Rio de Janeiro, o projeto Campo-Campus possui como principal objetivo discutir questões relacionadas à agricultura ecológica, reforma agrária e organização popular entre jovens oriundos de famílias agricultoras de cinco regiões do estado. Esta proposta justifica-se a partir de demandas regionais de mobilização da juventude para a valorização de suas diversidades culturais em contraposição ao pungente capitalismo promovido pelo Estado e burguesia na forma do agronegócio, que historicamente vem massacrando e expulsando a classe trabalhadora de seu chão.

Ano: 2010   Duração: 3:28

Vídeo hospedado em: http://www.youtube.com/watch?v=d1MwlTDR3UE

PRIMEIRO DE MAIO 2009 NO RJ

O Primeiro de Maio de 2009 teve todo um caráter especial. Não só pelo fato de ter sido realizado em uma das zonas mais desprovidas de infra-estrutura e serviços do Rio de Janeiro, a zona oeste, mas também por ter quebrado a lógica tradicional de realizar atos sempre nos grandes centros das grandes capitais, mostrando que é dever dos movimentos sociais não só a realização de atos nestes locais, mas desenvolver concretamente trabalhos nos espaços periferizados pela lógica reprodutiva do capital.

Ano: 2009   Duração: 3:00
Vídeo hospedado em: http://www.youtube.com/watch?v=niWFQmx3SN4

INAUGURAÇÃO DA BIBLIOTECA NA OCUPAÇÃO GUERREIROS DO 510

Inauguração da biblioteca na Ocupação Guerreiras do 510, na Lapa, Rio de Janeiro.
Ano: 2009   Duração: 32:55
Vídeo hospedado em: http://www.youtube.com/watch?v=NsLsctDvwho

MUTIRÃO
Mutirão de limpeza realizado pelos moradores da ocupação Guerreiras do 510, na Lapa, Rio de Janeiro.

Ano: 2009   Duração: 5:42
Vídeo hospedado em: http://www.youtube.com/watch?v=kbzTQphPVYo 

GRITO DOS EXCLUÍDOS 2008 NO RJ

O Grito dos Excluídos é um ato tradicional nas agendas de lutas dos movimentos sociais de todo o país. No Rio de Janeiro isto não poderia ser diferente. Em meio as comemorações e ao desfile bélico e militar das forças armadas no feriado de 7 de Setembro, os movimentos sociais demonstraram sua força e vivacidade, numa celebração de luta e organização popular transformadora.

Ano: 2008   Duração: 2:39

Vídeo hospedado em: http://www.youtube.com/watch?v=jC23dbO-PPs

SOLIDARIEDADE CAMPO CIDADE

Nem a chuva, nem as seis horas de viagem e muito menos a intimidação da Polícia Militar do Estado de São Paulo (devidamente filmada) puderam separar homens e mulheres do sentimento de classe que os uniam. O encontro do MTD do Rio de Janeiro com o MST de São Paulo visava trocar experiências e compartilhar sonhos. As agressões despropositadas e a tentativa de despejo da comunidade Lírio dos Vales pelo Corpo de Bombeiros do Estado de Sáo Paulo eram parte da lógica sinistra de um sistema econômico que privilegia as mercadorias ao invés das pessoas.

Ano: 2008   Duração: 23:58
Vídeo hospedado em: http://www.youtube.com/watch?v=sXf11Mbb3dw

MANIFESTO CONTRA AS MONOCULTURAS E O DESERTO VERDE

Determinados a questionar o agronegócio, modelo predatório de agricultura, dependente de tecnologias e capitais externos e controlado pelas multinacionais, os movimentos sociais do campo e da cidade organizaram um ato contra a política do BNDES, que além de privilegiar este modelo com seus incentivos públicos, nega qualquer apoio à agricultura familiar e ao pequeno camponês. A polícia militar do Rio de Janeiro confirmou presença no ato, agredindo manifestantes e defendendo os interesses do BNDES e o agronegócio.

Ano: 2008   Duração: 5:50

Vídeo hospedado em: http://www.youtube.com/watch?v=ZvaroVZYESU

Be the first to start a conversation

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: